7 PASSOS PARA ESTAR EM PAZ CONSIGO E COM O MUNDO

Estamos na época da Paz e boa vontade, devemos ser complacentes com o mundo e a questão que nos vem à cabeça é: "... e porque é que ninguém parece estar em paz comigo ou pior ... porque não são complacentes comigo? Porque é que EU tenho de ser a Madre Teresa de Calcutá e os outros não?!"
A verdade é que esse sentimento de "estão todos contra mim" advém geralmente de um único lado ... de si própria... É a sua falta de auto estima que motiva essa sensação de todos lhe cobram e ninguém faz nada. E no fundo sabemos que somos nós as nossas piores inimigas, porque nos cobramos muito mais que os outros. E porque? Porque aos nossos próprios olhos não somos perfeitas. Se fazemos isso a nós próprias porque deveremos estar à espera que os outros não façam?! Porque são os outros as ditas Madres Teresas de Calcutá? 

Há pequenas atitudes que podemos cultivar contudo, que nos levarão a ser melhores connosco próprias o que por sua vez levará os outros a considerarem-nos de outra forma também ... ficam aqui as dicas: 


1. Seja a sua melhor amiga
Esforce-se por se entender e aceitar as suas falhas como o faria com uma amiga.

2. Reconheça alturas de stress emocional
Quando começar a entrar em "parafuso", ansiedade ou sensação de que tudo lhe corre mal, respire fundo e identifique que está a passar por um momento mau, e que este como todos os outros, vai passar. 

3. Transforme as experiências negativas em aprendizagem
Não se martirize porque errou. Tente perceber o porquê do seu erro ou má conduta e veja se percebe como evitar cometer o mesmo da próxima vez. 

4. Convença-se de que é a única pessoa que tem poder sobre suas emoções
Não permita que outros tomem conta da sua vida, assuma o seu poder. 

5. Ninguém tem uma vida perfeita
Só quem está dentro do convento é que sabe o que lá vai dentro. Não assuma que a vida dos outros é melhor que a sua, preocupe-se com a sua vida sem comparações porque somos todos diferentes, e o que faz feliz uns pode não a fazer feliz a si e vice-versa.


6. Saiba perdoar a si própria
Não há muito a acrescentar a isto pois não? 

7. Pratique gostar de si. Repita todos os passos anteriores :)



Comentários